Orgulho e Preconceito

“Em vão tenho lutado comigo mesmo, mas nada consegui. Meus sentimentos não podem ser reprimidos; preciso que me permita dizer-lhe que eu a admiro e amo ardentemente”

Séries

O Divaneandoo mostrará algumas de minhas séries prediletas.

Músicas

Saiba minhas preferências musicais aqui no Divaneandoo.

Doramas

Fique por dentro das melhores séries asiáticas aqui no blog. You're Beautiful é e sempre será um dos meus queridinhos!

The King 2 Hearts

Um dos melhores doramas de 2012. Unindo romance, ação, suspense, comédia e drama numa história emocionante envolvendo uma monarquia coreana moderna em busca da unificação das Coréias.

Ojakgyo Brothers

Esse drama me cativou desde os primeiros episódios pela simplicidade da história e pelos inúmeros personagens pra lá de reais e apaixonantes. Confira a resenha aqui no blog.

Filmes de Bollywood

Não perca também as resenhas de filmes indianos aqui no Divaneandoo.

Séries Britânicas

BREVE resenhas de séries britânicas. North and South é uma das melhores e mais queridas! Minha predileta!

Animes

Aqui no blog você encontra resenhas de animes também.

Running Man

Running Man é um dos programas de variedades mais bem sucedidos na Coréia e aqui no blog você encontra resenhas de episódios. Garantia de risadas!

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Marriage Not Dating (K-Drama)

E infelizmente meu drama predileto da melhor temporada do ano chegou ao fim. Gente, eu AMEI tanto Marriage Not Dating que estou naquele dilema característico de não saber o que dizer de um drama que me cativou tanto. Então vou recorrer mais uma vez ao post de tópicos para ver se me situo. Espero que gostem e aos que ainda não viram Marriage Not Dating sejam convencidos a conferir esse drama pra lá de imperdível.


Título: 연애 말고 결혼 / Yeonae Malgo Gyeolhon/ Marriage Not Dating
Também conhecido como: Marriage Without Love / Marriage Without Dating
Gênero: Romance, Comédia, Família
Total de episódios: 16
Canal: tvN
Período de transmissão: 04 de julho à 13 de agosto de 2014
Direção: Song Hyun Wook, Lee Jong Jae (이종재)
Roteiro: Joo Hwa Mi (주화미)


10 motivos porque Marriage Not Dating é uma das melhores comédias românticas do ano

1º Protagonista hilária 

De cara, o drama já nos apresenta uma protagonista divertida, ainda que um tanto clichê. Joo Jang Mi (Han Groo) começa sendo aquela mocinha boba que vive para agradar o namorado e mesmo diante de todos os indícios crê fielmente nele e faz de tudo para agradá-lo. O pior é que ela não satisfeita, decide pedi-lo em casamento e prepara toda uma cena, mas seus planos são frustrados quando o melhor amigo do namorado - Gong Ki Tae (Yun Woo Jin) – aparece “do nada” e estraga o momento. A verdade, no entanto, logo vem à tona: seu namorado – Lee Hoon Dong (Huh Jung Min) – não quer se casar, não corresponde seus sentimentos e não faz muita questão de lhe dizer os motivos. Aliás Hoon Dong não tem é coragem de terminar o relacionamento. Diante disso e alguns outros desdobramentos, Jang Mi começa enfim a mudar. Ou pelo menos vai tentando, e acompanhar essas nuances de uma personagem nunca foi tão engraçado. Vou confessar que ao conferir o primeiro episódio, não criei lá muita expectativa para o drama, pois Jang Mi parecia mesmo ser aquele clichê chato de mocinha que não se dá ao valor. Mas ainda bem que continuei a ver, pois Jang Mi é agora uma das minhas personagens doramáticas preferidas de todos os tempos. Não vou dizer que ela mudou da água para o vinho, que se vingou do ex namorado com maestria e tudo mais, porém Jang Mi, conseguiu compreender melhor as si mesmo e usar essa característica de sua personalidade – de se preocupar mais com as outras pessoas que consigo mesmo – de forma mais madura. Esta é a palavra! Jang Mi, amadurece, sem no entanto, deixar de ser ela mesma. 
E é por isso que AMEI essa garota. Não só foi divertido acompanha-la, como valeu a pena esperar todas as semanas por mais episódios de Marriage Not Dating. Não conhecia essa atriz, mas a partir de agora vou acompanhar todos seus dramas!

2º Melhor namoro falso
Bom, se você já viu no mínimo algumas dezenas de doramas, com certeza, já se deparou com essa temática de namoro ou casamento falso para enganar os pais ou se vingar de alguém e bla bla bla. No caso de Marriage Not Dating, Gong Ki Tae não perde tempo e vê neste término de namoro do melhor amigo, a oportunidade perfeita para se livrar de uma vez por todas de sua mãe casamenteira. Acontece que Gong Ki Tae apesar de ser um cirurgião de sucesso e morar sozinho num belo apartamento, não conseguiu ainda convencer sua mãe de que não deseja se casar algum dia, e sim permanecer sozinho para sempre. Gong Ki Tae ama a solidão de seu próprio apartamento e só de pensar em se casar só para agradar a mãe e ter assim que dividir sua vida com outra pessoa, já lhe dá calafrios. Pois bem, ele tem a brilhante ideia de propor à Jang Mi que atue como sua namorada de forma a apresenta-la à família e cessar os encontros arranjados que sua mãe lhe obriga a ir. Mas como ele consegue convencer a magoada Jang Mi a entrar num relacionamento falso? Simples! Para se vingar do ex namorado. Afinal, estaria namorando o melhor do ex e poderia jogar sempre que pudesse na cara deste que havia o superado e estava feliz e tudo mais.
 
Você pode pensar que Gong Ki Tae é um péssimo amigo, mas depois de conhecer sua mãe, você começa até a entender as medidas desesperadas do rapaz.
O namoro falso começa e com ele muitas, mas muitas confusões e desdobramentos. Logo no começo você já começa a torcer para que o casal se apaixone de verdade, pois até mesmo fingindo são hilários e já se nota a química do casal. Já vi várias temáticas parecidas, mas sem dúvida a maneira como tudo foi explorado em Marriage Not Dating, tornou esse um dos melhores namoros “falsos” que já vi.



3° “Melhor” sogra do mundo
Gong Ki Tae é muito esperto e quer aproveitar a oportunidade para fazer a mãe não aceitar Jang Mi e usar isso depois para se livrar de outros relacionamentos e claro do temível casamento. Jang Mi a pedido dele então apronta poucas e boas, mas a mãe de Gong Ki Tae não é nada boba. 
Quem acompanhou Hotel King, então com certeza já reconheceu a talentosa atriz Kim Hae Sook. E OMG que atriz é essa? Sério, já a achava ótima atriz por conta de Hotel King, mas depois de Marriage Not Dating, tornou-se até uma das minhas ahjummas prediletas. Sabe aquele personagem que você não dá nada no início mas que no final acaba sendo um dos seus prediletos do drama? Então, a mãe do Gong Ki Tae foi exatamente assim. E por mais que ela pegasse no pé do filho ou sufocasse a família, eu não conseguia sentir antipatia. E depois que certa revelação vem à tona, então nem se fala. Só passei a admirar essa personagem e torcer para que conseguisse se dar bem no final. Vou dizer para vocês que ela foi responsável pelas lágrimas que soltei nos últimos episódios. E mais do que isso, seu relacionamento com a Jang Mi foi um espetáculo à parte. 

A maneira como vão se entendendo é pra lá de cativante, e é impossível não amar essas duas. Uma surpresa foi seu relacionamento com a família ser tão abordado e OMG, que lindo! Eu realmente fiquei tocada pela família do Gong Ki Tae e a atriz Kim Hae Sook, provou que não só sabe fazer drama, como também comédia. Todas as palmas para essa atriz e para essa personagem! Divou muito!

4º Personagens cativantes
Bom, sabemos que Jang Mi e a mãe do Gong Ki Tae foram as rainhas da comédia no drama, mas não deixar de comentar sobre os demais personagens. O próprio Gong Ki Tae foi um dos mais cativantes, e Ok, sou totalmente suspeita porque gosto muito desse ator desde Ojakgyo Brothers – um dos dramas mais queridos de todos os tempos desta blogueira que vos fala. Desde lá, vi que Yun Woo Jin tinha pegada para comédia, mas OMG, ele se superou demais em Marriage Not Dating. 
E é claro só fica ainda mais cativante a partir do momento que começa a gostar da Jang Mi.
E o que mais gostei é que apesar de demorar a falar claramente sobre, ele não se deixava enganar pelas ações e foi um protagonista muito próximo da realidade. Não foi um príncipe encantado e também não foi um ogro. Foi é equilibrado e torci demais para que Jang Mi logo percebesse seus sentimentos.
O ex da Jang Mi, Hoon Dong, foi também uma comédia a parte do drama, e apesar de torcemos o nariz pro moço e reprovarmos várias atitudes dele, é impossível não se cativar pela criança mimada e afetada que ele é.
A ex do Gong Ki Tae tem vez no drama também, e você já teve estar pensando: Ahhh não, a mocreia chata que vai atrapalhar o casal. E sim, é isso mesmo, mas gente, a Sun Hwa (SECRET) me surpreendeu tanto como atriz que nem fiquei com raiva, ok, em vários momentos, fiquei inconformada com a personagem pegajosa dela, mas ao mesmo tempo, Se Ah era tão sofisticada e determinada, que me era impossível não tirar o chapéu para moça em algum momento. Ela realmente não se deixava abater pelos foras do Gong Ki Tae e jogava na cara o tão desesperada estava. Palmas para Sun Hwa, pois eu não imaginava que ela atuasse tão bem. E vamos dizer, ela é realmente muito bonita. Fiquei com invejinha básica em vários momentos, tipo, não me importava de ter esse cabelo perfeito dela.

Temos também a melhor amiga da Jang Mi, e apesar de gostar muito dessa atriz fofa (Let’s Eat) não consegui me cativar pela personagem Hyun Hee tão fácil. Sei lá, ela é tão invejosa no começo e perspicaz que foi difícil confiar na moça. De qualquer forma, em algum momento, ela conseguiu e no final ria demais da forma como ela lidava com o agora seu namorado. Quem será que é hein?

Os pais da Jang Mi foram uma comédia a parte. Sério, nunca havia visto um casal mais atípico num drama. Brigavam como gato e rato, e viviam falando de divórcio, e apesar de até me darem raivinha básica em alguns momentos por isso, foram muito queridos e torci demais por eles.

A família do Gong Ki Tae foi ótima também, tirando claro, o pai dele por motivos que não vou falar para evitar spoilers. Mas ainda assim, o ator teve um senso muito bom para a comédia, e mesmo o odiando, é impossível não rir com suas caras e bocas e sua falta de ação às vezes. A avó e a tia skalter foram pra lá de cativantes e me emocionaram no final também. E olha que se formos pensar bem teríamos que odiar essa família por tudo que eles viam certa pessoa sofrer e não fazerem nada e tudo mais, porém, se analisarmos a cultura coreana, e considerarmos que em determinado momento, elas caem em si, é difícil não se cativar também.
5º Risadas, ou melhor, gargalhadas garantidas. 
 Marriage Not Dating é aquele dorama incrível que te faz gargalhar quando você menos espera. E vou te dizer que passei no mínimo uns 80% dos episódios contendo as risadas e gargalhadas, pois é realmente recheado de cenas hilárias e criativas. 
É certo que essa temática de namoro falso sempre rende cenas engraçadas, mas como já disse, a maneira como tudo foi explorado e roteirizado nesse drama só o deixou mais único. E todos os personagens colaboraram para tornar Marriage Not Dating um dos dramas mais divertidos que já vi. Realmente incrível! 


6° Melhor edição de efeitos sonoros e prévias dos episódios
Um dos maiores motivos do drama ser tão engraçado, fora o roteiro e os atores, foi sem dúvida a edição excelente de efeitos sonoros. As caras e bocas dos personagens aliado aos sons nos fazem arrancar várias risadas em diversos e surpreendentes momentos. Só quem viu sabe do que estou falando. Nunca antes vi, esses recursos sonoros sejam tão eficazes num drama para comédia.
E uma das características marcantes de Marriage Not Dating foram prévias surtantes dos episódios. E não estou falando daquelas prévias que aparecem nos finais dos episódios não, mas estas no caso apareciam logo no início do episódio, sinalizando um pouco do final dele. E sério minha gente, me faziam surtar logo nos primeiros segundos! Comecem a ver o drama e depois venham me falar se não é verdade! 

Forever alone diferente e surpreendentemente não tão cativante
Um dos motivos porque resolvi começar a ver Marriage Not Dating foi o fato de ter o querido Jin Woon no elenco. Me preparei psicologicamente para sofrer por ele já que ele seria o forever alone, mas algo incrível aconteceu, seu personagem não foi lá tão cativante como secundários costumam ser. Por vezes, cheguei a achar o Yeo Reum um inconveniente e não me passava confiança. Apesar de estar lindo, LINDO de morrer nesse drama. Aliás, meus parabéns para o Jin Woon, está com uma ótima saúde. 
  
E incrivelmente este fato do secundário não ter me cativado tanto só me fez AMAR mais ainda Marriage Not Dating. Sério, detesto quando os forever alone são tão bons tão bons que me obrigam a torcer por eles também e sofro junto e tudo mais. Não estou dizendo que o Yeo Reum foi um personagem sem graça e chato ou que a atuação do Jin Woon foi ruim. Longe disso! Tudo culpa do roteiro e da química do casal principal que não nos deixava com muito espaço para torcer pelo Yeon Reum. Lindo, talentoso e cheio de vida e saúde, mas não era a pessoa certa para a Jang Mi. Simples! E o legal é que o Yeon Reum não foi tão compreensivo e bonzinho como muitos secundários, ele era até intrometido e isso deixou o personagem mais real, digamos assim. Melhor momento dele no drama foi cantando Eyes, Noses, Lips do Taeyang - aqui!
8º Excelente química do casal, milhares de skinships
E nem preciso dizer que Marriage Not Dating não teria sido esse drama pra lá de cativante se o casal não tivesse tido essa química fabulosa né?! OMG, estou aqui perdida, tentando lembrar a quantidade de beijos, toques e abraços! Sim, foram muitos. E QUE BEIJOS FORAM AQUELES?! 

Mas muito mais que abraços e beijos, Jang Mi e Gong Ki Tae tiveram aquelas trocas de olhares incríveis, e tinham como poucos casais uma afinidade excelente para comédia. 



Em certo momento, começamos a ficar até aflitos pois está tão na cara que os dois foram feitos um pro um outro, que é quase impossível aguentar esperar para que finalmente pararem de se enganar e aceitarem seus sentimentos um pelo outro. Tão cedo não esquecerei esse casal que já estão dentre meus queridinhos do ano!

9º Trilha sonora perfeita
E só pra variar, adivinhem?! Sim, a trilha sonora fez jus ao drama e foi perfeita. Músicas super cativantes e chicletes, que combinavam de forma incrível com as cenas e com o drama! E é até difícil escolher uma predileta.

Love Lane (MAMAMOO) - Uma das melhores, do tipo que toda vez que ouvir vou querer rever o drama! 

Stop the Love Now (Ben) - uma das mais chicletes!

Just One Day (Ho Young Son e Danny Ahn) - Essa é linda demais! Tenho nem palavras!


10° Final absolutamente satisfatório

Alguns dramas desse ano tem decepcionado tanto nos finais né gente?! Mas aos que ainda não viram Marriage Not Dating, não se preocupem. Garanto que não vão se decepcionar com o final. Eu fiquei até meio sem reação diante do que acontece nos últimos minutos, mas concordando com a Jang Mi, aquilo foi tão ela e Gong Ki Tae. O final combinou perfeitamente com tudo que o drama foi em todos os episódios. E foi com dor no coração que me despedi de Marriage Not Dating, não só uma das melhores comédias românticas do ano, como uma das melhores que já assisti ao longo dessa minha vida doramática. 


CONCLUSÃO
Vocês podem estar pensando que diante desta minha resenha, Marriage Not Dating foi só comédia e romance. Não, o drama incrivelmente aborda meio que um tabu – o qual não citei e não vou citar para evitar spoilers – e desdobra isso de uma maneira bem interessante, ora nos fazendo rir dos desdobramentos ora nos fazendo refletir sobre o quanto isto afeta uma família e o quanto é doloroso. E esse foco familiar é uma das coisas mais legais do drama, romance e comédia tem vez sim, e muito, mas a maneira como abordaram os temas familiares foi bem interessante e emocionante e nada cansativo. A última coisa que pensei era que fosse chorar em algum episódio de um drama como Marriage Not Dating, mas nos últimos episódios tem algumas cenas de cunho familiar tão fofas que foi impossível não soltar algumas lágrimas. O crescimento de todos os personagens superando os medos foi incrível também.  Então, bato palmas para o drama não só por ter me arrancado gargalhadas do começo ao fim, mas também, e principalmente, por ter me arrancando lágrimas nos momentos certos e não por cenas tristes, pasmem! E assim foi Marriage Not Dating, um drama simples, mas pra lá de cativante. Um drama que conseguiu me cativar de uma forma enorme, mesmo diante da melhor temporada do ano. tvN está cada vez melhor e não é à toa que tem conquistado o carinho dos dorameiros de plantão.

Marriage Not Dating disponível no Doramas Online e Siwon Fansubs (necessário cadastro!)

Espero que tenham gostado do post! Queria ter falado muito mais, porém é sempre complicado transmitir em palavras o que eu sinto quando amo muito um drama! E outra coisa, perdão pela demora nas resenhas ultimamente, mas é meu pc não colaborando, é a quantidade de dramas bons na temporada e a surtada aqui resolve ver quase tudo, é debut de WINNER! Muitas emoções, e pouco tempo! Mas logo volto com outras resenhas doramáticas. Prometo! King Of High School, Hotel King e Gap Dong estão na fila! No momento, estou tentando superar essa deprê pós drama por conta do término de Marriage Not Dating...


...e a pergunta que não quer calar: Han Groo e Woo Jin estão solteiros na vida real? Posso começar a shippar?